Skip to main content

Fianáin

Úsáidimid fianáin ionas go bhfaighidh tú an taithí is fearr ar ár láithreán agus comhlíonaimid ár gceanglais Cosanta Sonraí ag an am céanna. Lean ort gan do chuid socruithe a athrú, agus gheobhaidh tú fianáin, nó athraigh do chuid socruithe fianáin ag aon tráth.

Níl an leagan Gaeilge ar fáil go fóill, más maith leat an leagan Béarla a léamh féach thíos.

A Irlanda torna-se Observador Associado da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

O Ministro dos Negócios Estrangeiros, Simon Coveney, saudou hoje a decisão da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) em aceitar a Irlanda como Observador Associado. Esta decisão foi tomada numa Cimeira de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, realizada em Luanda, Angola, a 17 de Julho.

Disse o Ministro Coveney:

"Estou muito satisfeito por os líderes da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) terem decidido hoje aceitar a Irlanda como Observador Associado".

"O estatuto de Observador Associado na CPLP irá reforçar os laços da Irlanda com os países de língua portuguesa em todo o mundo. Isto basear-se-á nas fortes relações políticas da Irlanda, nas relações comerciais e nas parcerias de cooperação para o desenvolvimento a longo prazo com os países membros da CPLP. O estatuto de observador associado na CPLP também apoiará o desenvolvimento mais forte com os países lusófonos de intercâmbios linguísticos, académicos e culturais.

"A decisão de hoje concretiza um compromisso assumido na Estratégia do Governo para África em 2019. É também coincidente com a ambição da nossa estratégia para a Irlanda Global que viu o Governo comprometer-se a duplicar o impacto da pegada global da Irlanda até 2025.

"Submeti à CPLP, a 5 de Maio, Dia Mundial da Língua Portuguesa, o pedido de Observador Associado da Irlanda. O português é uma importante língua mundial, falada por mais de 260 milhões de pessoas. O português tornou-se uma língua curricular do Leaving Certificate (exame final do ensino secundário) e é procurada por empregadores. Esta decisão irá apoiar os esforços do Governo no sentido de melhorar o domínio da língua. O conhecimento de línguas estrangeiras e uma maior consciência cultural são competências-chave para a economia da Irlanda num mundo cada vez mais globalizado.

"Mais de 20.000 falantes de português chamam a Irlanda de lar. Eles são a nossa família, amigos e vizinhos, e enriquecem as comunidades em todo o país. Milhares de irlandeses vivem em países de língua portuguesa e contribuíram ao longo de décadas para educação, saúde, negócios, cultura, artes, e muito mais. Ao aprofundarmos as parcerias da Irlanda com os países de língua portuguesa, estamos a construir sobre os fortes laços de amizade entre os nossos povos".

FIM

Press Office

17 July 2021

Nota para os editores

  • A iniciativa Irlanda Global visa duplicar o impacto global da Irlanda até 2025. Em Novembro de 2019, o Ministro dos Negócios Estrangeiros, Simon Coveney, lançou a iniciativa "Irlanda Global": A Estratégia da Irlanda para África até 2025", que estabelece como esta ambição será alcançada em África. A Estratégia para África incluía o compromisso de procurar o estatuto de Observador Associado na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), da qual a maioria dos estados membros é africana.
  • A CPLP é uma organização internacional que funciona como um fórum multilateral para os governos e povos dos países onde o português é língua oficial. Foi fundada em Lisboa em 1996 e é actualmente constituída por nove Estados membros em quatro continentes: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Equatorial, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste. Uma área de trabalho prioritária da CPLP é a promoção da língua portuguesa. Existem actualmente dezoito países e uma organização internacional com estatuto de Observador Associado da CPLP, incluindo seis estados membros da UE.
  • O português é falado por cerca de 260 milhões de pessoas a nível mundial e a sua utilização continua a aumentar rapidamente, incluindo na África lusófona. De acordo com o Censos de 2016, o português é falado em casa por 20.833 pessoas na Irlanda, o que o torna a oitava língua estrangeira mais usada no Estado.
  • A 'Languages Connect', a Estratégia do Governo para as Línguas Estrangeiras na Educação, 2017-2026, inclui compromissos em torno do ensino do português como língua curricular a nível pós-primário.
  • A Estratégia Nacional de Competências 2025 da Irlanda enumera as línguas estrangeiras e a consciência cultural entre as competências intersectoriais que melhoram a empregabilidade de um indivíduo e permitem a mobilidade profissional, com referência específica ao português como língua procurada. O português está também entre as oito línguas identificadas pela agência de desenvolvimento económico, Enterprise Ireland, como importante para as futuras necessidades de competências da Irlanda.

|